Seja bem vindo!

Horário de Atendimento:

Segunda a Sexta das
8:00 as 11:30 - 13:30 as 18:30.
R. Goias, nº 450, Centro - Uberlândia - MG - CEP:38400-064
Cliente em Destaque
Maria Isabelle gosta de ler e praticar esporte
Ortodontia/Ortopedia
Hábito de Sucção

A sucção é um reflexo inato que visa à alimentação, ou seja, a ingestão do leite materno. Este reflexo é desencadeado pelo contato dos lábios com o mamilo, também podendo se iniciado pelo contato dos lábios com outras pastes do corpo ou objetos. A percepção bucal bem desenvolvida nos primeiros anos de vida, proporciona um sentimento de conforto, segurança e satisfação  emocional   e bem estar durante o ato de sugar.

Por esta razão, na impossibilidade de amamentação materna (Fig. 1), aconselha-se o uso de mamadeiras com bicos ortodônticos, pois “imitam” a anatomia dos seios visto que estabelecem uma maior superfície de contato com os lábios e pele do bebê (Fig. 2 e 3). Além disso, a presença de um orifício reduzido para a saída do leite e a pequena espessura do bico exigem que o bebê succione de modo muito semelhante à amamentação do peito.
Afora a amamentação, considera-se normal a sucção de dedo ou chupeta no início do desenvolvimento infantil, e a oposição dos pais a esse hábito pode determinar consequências psicológicas negativas. Normalmente, a medida que a criança começa a desenvolver outros meios de comunicação com o meio externo, ela acaba por abandonar espontaneamente o hábito de sucção.
O dedo ou a chupeta, durante a sucção, interpõe-se entre os incisivos superiores e inferiores (Fig. 3 e 4), restringindo o nascimento destes dentes, enquanto os dentes posteriores continuam a desenvolver-se no sentido vertical. Consequentemente, determina-se uma mordida aberta, quase sempre restrita a região anterior dos arcos dentários, de forma circular e bem circunscrita para o uso da chupeta, enquanto que para a sucção do polegar há um inclinação dos incisivos superiores para vestibular, surgindo diastemas (espaços) entre eles, com os incisivos inferiores inclinados para lingual (Fig. 5).
O contato do polegar (por exemplo) na sucção, com o palato (céu da boca) desaloja a língua que se mantém numa posição mais inferior, afastando-a do contato com os dentes posteriores. Esta alteração, somada à força de sucção desempenhada pelo músculo bucinador, ocasiona a atresia (estreitamento) do arco dentário superior, culminando na mordida cruzada posterior.
A remoção do hábito pode ser feito através de inúmeros recursos, inclusive através de esclarecimento aos pais e crianças. A idade ideal para remoção da chupeta e/ou mamadeira é na faixa de 4 a 6 anos, porque até essa idade as alterações que ocorrem são pouco significativas no crescimento facial e na oclusão e pode ocorrer correção espontânea. A partir dos 7 anos já é considerado prejudicial.
O ortodontista tem um papel importante na orientação e remoção desses hábitos. Ele ajuda os pais, orientando sobre qual a melhor conduta e maneira de conversar com a criança, evitando a chantagem, punição e repressão.